Canto do Inácio

Sunday, July 13, 2008

"CRIME DELICADO" É INUSITADO E INQUIETANTE
INÁCIO ARAUJO


O crítico busca a perfeição. Não todos, talvez, mas com certeza Antônio Martins (Marco Ricca), o implacável crítico teatral de "Crime Delicado", que é um filme muito estranho.

Estranho no melhor sentido, entenda-se: de algo inusitado e de certa forma inquietante. Para Martins, é como se a arte, em vez de nos aproximar das coisas, permitisse a ele continuar longe e fora delas. A crítica é, nesse sentido, um exercício de poder, mas sua função é ser securizante: fixar as relações do crítico com o mundo.

O seu encontro com Inês (Lilian Taublib) vai transtorná-lo de maneira profunda. Ele se dá num bar. No teatro, o olhar tem apenas uma direção: o espectador vê o espetáculo. Num bar, ao contrário, ele vê e é visto. É assim que encontra Inês: sendo examinado.

O que poderia pensar de Inês? Falta-lhe uma perna. O que pensam os críticos de pessoas a quem falta uma perna? Merecem uma estrela a menos? Nesse caso, como julgar as estátuas gregas, sempre mutiladas? Ainda assim, elas são nosso critério de perfeição.

É entre a contemplação e o juízo crítico que se instala Inês na vida de Martins: é como a obra inovadora, que transtorna maneiras habituais de olhar. Com a diferença de que Inês não é uma obra de arte. Ou é? Por que devemos sempre achar que obras de arte são coisas mortas? É discutindo essas coisas que Brant faz esse que é talvez seu filme mais maduro.

(texto publicado na Folha de S. Paulo do dia 13 de julho de 2008)

4 Comments:

  • Olá,

    Estou entrando em contato novamente para me colocar à disposição ao esclarecimento de dúvidas referente ao e-mail que enviei no dia 01/07/08, tratando da Parceria Comercial entre o Site Canto do Inácio com a HOTWords.

    Qualquer dúvida ou maiores informações, por favor, entre em contato comigo.

    Abraços,
    Stephanie Sarmiento
    ------------------------------
    smarques@hotwords.com.br
    www.hotwords.com.br
    ------------------------------
    Phone: 11 3178 2514

    By Anonymous Stephanie Sarmiento, at 5:56 AM  

  • enfim achei alguém que gostou desse filme! eu também gostei, cara! nem minha companheira gostou, que é minha companhia fílmica permanente e quase sempre concorda comigo.

    By Anonymous ítalo, at 8:50 AM  

  • A grande sacada do filme para mim é a de como o crítico de arte se atrapalha completamente quando começa a criticar a vida de outra pessoa. Muito ousado. Gostei qundo vi.

    By Anonymous Mario, at 6:30 AM  

  • Inácio;
    Reconfirmando o que já te comuniquei...
    Geronimo.

    By Anonymous Geronimo, at 7:35 AM  

Post a Comment

<< Home